Extensão, Projetos de Extensão

Inky – Uma Forma de Arte e Inovação Visual

 logo inkyHoje, iremos falar um pouco sobre o Inky Design, Laboratório de Design Gráfico “Prof. Dr. José Luiz Valério Figueiredo”. Depois de algumas trocas de e-mail e idas ao laboratório relato a vocês o que eu aprendi sobre o projeto.

Tudo começou com um projeto para montar o Laboratório Didático, da Profª. Dra. Cássia Domiciano e do Prof. Dr. Valério Figueiredo que, com o apoio da diretoria, foram até a reitoria viabilizar uma verba. Assim, em 2001, conseguiram um espaço próprio e personalizado na central de laboratórios da FAAC.  Com o falecimento do Prof. Valério, uma vaga da coordenação foi preenchida temporariamente por outros professores do Dep. de Design. Já em 2012,  a Profª Dr. Fernanda Henriques assumiu a liderança do projeto juntamente com a Profª. Cássia.

Focado inicialmente em prestar serviços gráficos para a reitoria e para a comunidade unespiana, o Inky, como um projeto de extensão, além de desenvolver livros e cartilhas, oferece a comunidade exposições e palestras, como, por exemplo, a do Gustavo Lassara – tipógrafo renomado. Além disso, também organizam oficinas de encadernação e de lettering, como a Modela Ordinária, que aconteceu no 8º Encontro Regional de Estudantes de Design de São Paulo, e usava massinha de modelar, proporcionando aos alunos conhecimentos de tactile design e composição tipográfica – um grande sucesso entre o público.

Equipe do Inky junto ao painel tipográfico. Da esquerda para direita Roberta Kimie, Gustavo, Daniela, Victor, Thiago e Danielle Naomi (Foto: Carolina Souza)
Equipe do Inky junto ao painel tipográfico. Da esquerda para direita Roberta Kimie, Gustavo, Daniela, Victor, Thiago e Danielle Naomi (Foto: Carolina Souza)

Em meio a uma fase de mudanças, o laboratório estará de casa nova em breve. Além de abrigar os projetos de Identidade Visual do Horto Florestal da cidade,  Memória Visual Valério Figueiredo,  Sinalização do Câmpus de Bauru e o Tipografia e Dislexia, o laboratório também irá acolher o Grupo de Pesquisa em Design Gráfico Inclusivo que visa impactar positivamente os  distúrbios da fala, da audição e da linguagem por intermédio do design gráfico.

Para fazer parte dessa equipe, qualquer  aluno de Design da Unesp é bem vindo no processo seletivo. Serão avaliados pelo seu desempenho acadêmico,  portfólio e motivações para o estágio. Proporcionando conhecimento, responsabilidade e organização, o Inky permite que os estagiários participem de todas as etapas do desenvolvimento dos projetos, do recebimento do cliente, assim como da criação, execução e finalização, sendo eles autores do trabalho, porém tudo com a supervisão das coordenadoras que estão sempre presentes.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Mesmo com as mudanças tecnológicas, o Inky acredita que a transmissão de conhecimento jamais deixará usar os meios tradicionais.

Se você quer saber mais, acompanhe o Inky pelo Facebook.

Por Carolina Souza

Anúncios

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s