Artes Visuais, Cursos

Lugar de arte é na escola

(Divulgação)

Muito se fala na carência que as escolas brasileiras sofrem quando o assunto é arte. A opinião de muitos é de que é fundamental introduzir desde cedo nas crianças e jovens o hábito e a importância de se apreciar as produções artísticas, seja por meio da pintura, da escrita, da música ou do artesanato. A arte nos mostra uma visão diferente do mundo que nos cerca e nos ajuda a crescer como pessoas, profissionais e cidadãos e, no caso dos jovens, auxilia também no aprendizado das matérias convencionais.

Em uma realidade em que o método de ensino das escolas não abre o espaço merecido à arte, uma instituição sem fins lucrativos busca mudar esse panorama. Desde 1989, o Instituto Arte na Escola incentiva e qualifica o ensino da arte por meio da formação continuada de professores da educação básica. Para a associação, a arte é tratada como objeto de conhecimento.

As áreas de atuação do instituto são muitas. A começar pela midiateca disponível no próprio site do projeto, que oferece aos professores uma quantidade considerável de materiais educacionais específicos para o ensino da arte, especialmente a brasileira. Lá, os docentes dispõem de uma ferramenta de buscas a partir de título ou palavra-chave, além de materiais em DVD, Kit’s Educacionais e interativos.

(Divulgação)

Ainda por meio do portal, os professores podem planejar suas aulas de arte. A quantidade de material existente é muito grande! São materiais educativos, boletins, informativos, publicações e documentários produzidos pelo Instituto Arte na Escola, além de indicações de livros, artigos, teses e monografias. Os docentes ainda podem trocar experiências e relatos com outros professores do Brasil inteiro por meio de um fórum de discussões.

Além disso, o site conta com uma galeria bem legal com produções artísticas dos mais variados tipos feitas por alunos do projeto em todo o país!

(Divulgação)

O instituto também promove o prêmio “Arte na Escola Cidadã”, que chegou à sua 14ª edição em 2013. O objetivo do prêmio é “identificar, reconhecer e divulgar projetos exemplares na área de arte”. Participam professores ou equipes de professores da rede pública, regular ou particular de todo o país que desenvolveram projetos recentes nas áreas das artes visuais, dança, música ou teatro. As categorias de premiação vão desde a Educação Infantil até a EJA – Alfabetização e Educação de Jovens e Adultos.

(Divulgação)

A “Rede Arte na Escola” está presente em todas as regiões do Brasil. São 47 polos, presentes em 41 cidades de 22 estados brasileiros com um objetivo em comum: difundir e melhorar o ensino da arte em um país tão rico culturalmente e que, ao mesmo tempo, tem dificuldades em transmitir essa riqueza para seus jovens.

Um dos quatro polos existentes no estado de São Paulo fica justamente na Unesp de Bauru. Criado em 2004 a partir de um convênio entre a universidade e o instituto, atua com a intenção de disseminar ações para a melhoria do ensino das artes. A atual coordenadora do projeto é a professora Maria Luiza Calim de Carvalho Costa, da FAAC.

Vale muito a pena acessar o site (http://artenaescola.org.br/) e a página no Facebook (https://www.facebook.com/instituto.artenaescola) do projeto e ficar por dentro de várias das coisas interessantes que eles realizam Brasil afora!

Por Estevão Rinaldi

Anúncios

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s